HOME > NOTÍCIAS & EVENTOS > 6 razões para ter um Programa de Compliance Anticorrupção
6 razões para ter um Programa de Compliance Anticorrupção

Um programa de compliance anticorrupção é um sistema interno instituído por empresas a fim de prevenir, detectar e remediar desvios. Em um mercado global, um programa de compliance anticorrupção eficaz está se tornando um componente crítico do modelo de negócio de uma empresa.

Existem várias razões pelas quais uma empresa deve ter um programa desse tipo. Este post destaca seis.

 

  • 1 Requisito obrigatório.

Enquanto na maioria das jurisdições as empresas não são obrigadas a terem programas de compliance anticorrupção, em certas jurisdições elas podem ser obrigadas a tê-los. No Reino Unido, por exemplo, as empresas podem ser responsabilizadas pela falha em prevenir corrupção. As leis locais podem exigir que as empresas tenham outros tipos de programas de compliance. Em muitas jurisdições, as leis contra a lavagem de dinheiro, por exemplo, obrigam as pessoas físicas e jurídicas envolvidas em determinadas atividades de comunicarem transações suspeitas e a terem programas de compliance para fins de prevenção de lavagem de dinheiro. Deixar de fazer isso pode sujeitar as empresas a sanções, incluindo multas e prisão.

 

  • 2 Fatores atenuantes.

Em muitas jurisdições, a existência de um programa de compliance anticorrupção é um importante fator atenuante que pode reduzir ou, quando combinado com outros fatores (por exemplo, reporte voluntário e cooperação), isentar a entidade jurídica de responsabilidade.

 

  • 3 Vantagem competitiva.

Tendo em vista os riscos dos pagamentos indiretos por meio de terceiros que as empresas sujeitas ao FCPA e a outras leis anticorrupção correm, algumas empresas estão exigindo que os seus terceiros tenham programas anticorrupção como condição para firmar ou renovar contratos. Outras empresas foram mais longe e estão exigindo que os fornecedores também tenham programas de compliance. Dessa forma, ter um programa de compliance anticorrupção tornou-se uma vantagem competitiva em muitas indústrias.

 

  • 4 Atrair investidores.

Uma vez que as consequências por violar as leis anticorrupção podem ser duras e caras, os investidores estão cada vez mais olhando para programas de compliance anticorrupção antes de investirem em empresas. No âmbito da Lei da Empresa Limpa, por exemplo, se uma empresa tem 10% ou mais das ações da outra empresa (ainda que sem o controle de tal entidade), ela pode ser apenada com multa, além reparação de danos por violações cometidas pela outra empresa. Diante disso, empresas de private equity que investem no país estão condicionando seus investimentos à existência ou à implementação de um programa de compliance anticorrupção que atenda a determinadas normas acordadas previamente.

 

  • 5 Facilitar aquisições.

Nos últimos anos, o due diligence anticorrupção prévia tornou-se um importante componente da estratégia de expansão das empresas. Muitas empresas realizam due diligence legal anticorrupção antes de continuarem com outras áreas (por exemplo, societário, tributário, ambiental). Isso ocorre porque o due diligence anticorrupção sem ressalvas tornou-se uma condição para prosseguir com a transação, a fim de evitar a responsabilização da empresa sucessora. As empresas que têm um programa de compliance anticorrupção eficaz estão em melhor posição para passarem por esse processo.

 

  • 6 Garantir o valor do acionista.

Outra razão para que as empresas tenham um programa de compliance anticorrupção, como destaca o FCPA Resource Guide, é que tal programa “protege a reputação da empresa, garante valor e confiança dos investidores, reduz a incerteza em transações comerciais e protege os ativos de uma empresa.”

 

Com base em razões como as mencionadas acima, a adoção de um programa de compliance anticorrupção tem crescido exponencialmente em importância nos últimos anos. Como é o caso da Ausec, que possui Programa de Compliance Anticorrupção desde 2016.

E você, utiliza o Programa de Compliance Anticorrupção na sua empresa? Deixe seu comentário sobre o assunto.

 

Fonte: fcpamericas.

4 Razões para investir em automação predial
Por que a videovigilância é tendência em segurança
Você está preocupado com a segurança da sua empresa?
Sistema de CFTV: 12 dicas para acertar na instalação
Como escolher um sistema de alarme residencial
Sistema de incêndio: 5 dicas para instalar bem
Câmeras de vigilância: onde devem ser instaladas em uma empresa?
Conheça 7 tipos de tecnologias que ajudam na segurança patrimonial
5 Motivos para investir na segurança da sua empresa
Saiba quais são os 5 tipos de sensores de alarmes para segurança eletrônica
Saiba porque é importante ter um controle de acesso eficiente em um condomínio residencial
Conheça 10 benefícios das câmeras térmicas da AXIS; empresa parceira da Ausec
Ausec amplia sistema de controle de acesso da usina EPE
Como funciona o monitoramento à distância com câmeras IP
Como prevenir incêndios na sua empresa: 11 dicas
7 dicas de segurança contra incêndio em Estabelecimentos Assistenciais de Saúde
10 dicas de segurança para combater incêndios em ambientes de alta tecnologia
Videomonitoramento: Soluções para uma cidade mais segura
Central de Alarme Convencional ou Monitorável? Qual a melhor?
Você sabe como funciona o detector de fumaça?
Por que é importante ter uma câmera CFTV?
Boas práticas para software de monitoramento de alarmes
Segurança eletrônica pode reduzir custos em tempos de crise
Cinco benefícios do controle de acesso por biometria
As 5 funções básicas de um bom sistema de segurança
Como funciona uma proteção perimetral?
As vantagens do relógio de ponto com biometria
Benefícios da automação predial para a economia de energia
Conheça os tipos de sensores de presença mais indicados para sua empresa
Como funcionam as câmeras de segurança com captação de áudio
Quais as diferenças entre sistemas convencionais e endereçáveis nas centrais de alarme de incêndio?
Dicas: como usar a rota de saída de emergência em caso de incêndio
Automação de escritórios: 5 tecnologias que aumentam a eficiência
6 dicas para manutenção periódica do alarme de incêndio
Vantagens de um sistema de controle de acesso
Como economizar com um relógio de ponto
Gestão de espaços: como reduzir custos com ajuda da tecnologia?
9 passos para fortalecer o Compliance e a governança corporativa nas empresas
Ausec assume monitoramento de câmeras do Ciosp
Controle de acesso físico x controle de acesso lógico: diferença e aplicação
omo funcionam os sistemas de identificação de pessoas
Parabéns Cuiabá. Missão dada é Missão cumprida
Política de segurança bem planejada
Saiba como controlar o acesso de sua empresa
Controle de acesso nas empresas: quais são as maiores dificuldades?
Por que é fundamental investir em relógios de ponto nas empresas?
Grupo chileno assina contrato com a Ausec para implantação de sistema de acesso
Indústria contrata solução de controle de acesso da Ausec
Você entende o conceito de eficiência energética?
Saiba como otimizar a recepção de clientes da sua empresa
Acesso digital: como as tecnologias podem contribuir para a segurança?